Métodos anticoncepcionais: saiba mais

Em 2020, os métodos anticoncepcionais hormonais completarão 60 anos. Com o passar do tempo e os avanços da Ciência, cada vez mais opções são colocadas à disposição das mulheres. Tão grande já é a diversidade que surgem muitas dúvidas na hora de escolher a mais adequada.
Assim, nada melhor que um especialista no tema para ajudar você a acertar na escolha. Aqui, você confere as orientações do Dr. Nilson Roberto de Melo.

1. Sempre pergunte a seu médico todos os pontos positivos e negativos de cada método, antes de escolher um.

2. Um passo importante é decidir se deseja um método de longo prazo. Se sim, há opções, como o implante, com duração de três anos, o DIU de levonorgestrel, proteção por cinco anos, e o DIU de cobre, para dez anos.

3. Reflita bem: se for do tipo esquecida, algumas opções recomendáveis são o anel vaginal, com chances de gravidez inferiores a 1%, injeções a cada mês ou a cada três meses, além de outros métodos de longa duração, tais como implante e DIU.

4. Se costuma sentir fortes cólicas pré-menstruais, não é recomendado o DIU de cobre. O melhor é o uso de pílulas anticoncepcionais ou o DIU de levonorgestrel, bem como outros métodos hormonais.

5. Quer menstruar menos vezes no ano? Então, suas opções são o implante, as pílulas contínuas ou o DIU de levonorgestrel.

6. É bom lembrar que, assim como qualquer medicamento, métodos anticoncepcionais hormonais podem causar efeitos colaterais, mas geralmente são muito bem tolerados.

7. Em alguns casos, o implante e o DIU de levonorgestrel podem causar sangramentos mais frequentes nos primeiros seis meses, que tendem a melhorar com o tempo, daí a relevância do acompanhamento de todo o processo por um especialista.

8. Um fato significativo é que a pílula pode ser tomada com margem de segurança, entre duas horas antes e duas horas depois do horário estipulado.

9. Atenção: contraceptivos previnem uma gravidez indesejada. Para proteção das doenças sexualmente transmissíveis (DSTs), use métodos de barreira. É aconselhável sempre usar preservativos.

10. Não existe método perfeito contra a gravidez, faça sua parte exatamente como solicitada por seu médico e reduzirá as chances de surpresas.

    Artigos Relacionados

    Send this to a friend